6 mil pessoas estão retidas em navio com suspeita de coronavírus


Mulher e marido estão isolados dos demais passageiros. A suspeita é que eles estejam infectados com o coronavírus

Com informações do G1 – Mais de seis mil pessoas estão isoladas em um navio de cruzeiro bloqueado no porto italiano de Civitavecchia, perto de Roma, por conta de suspeitas de que alguns turistas estão infectados com o coronavírus, dizem autoridades locais.



A empresa dona do navio Costa Smeralda relatou que 6 mil turistas estão a bordo, além dos tripulantes, e que pelo menos um caso suspeito de infecção foi confirmado, sendo uma mulher de 54 anos que está isolada em um quarto juntamente com o seu marido. O casal voou para Milão de Hong Kong em 25 de janeiro, antes de embarcar no cruzeiro, informou a mídia italiana.

👉 Acompanhe o Foca na Folga no Facebook