Publicidade

Saiba como curtir mais a vida aproveitando a sua própria companhia

Você pode se divertir sozinho e conhecer lugares que tem vontade; basta sair da famosa zona de conforto

Confira dicas para aproveitar mais a vida curtindo a própria companhia. Foto: Foca na Folga


Se você deixa de fazer alguma coisa que tem vontade por não ter com quem ir, pode estar desperdiçando a chance de realizar uma experiência marcante em sua vida justamente porque não teve coragem de fazer isso por conta própria. Talvez esteja na hora de se desprender da necessidade de estar com alguém, tomar a iniciativa de aproveitar o momento e fazer a vida valer a pena.

Liberdade ou solidão?

Em uma época de isolamento social, muitos planos tiveram que ser adiados. Muita gente percebeu também que algumas amizades não passavam de simples contatos e passaram a se sentir sós. Por outro lado, algumas pessoas aprenderam a se virar sozinhos. Ao notar que se fossem esperar pelo ‘momento certo’ para realizar algo que têm vontade, nunca fariam.

Não é incomum ver relatos de pessoas, cada dia mais, dizendo que aprenderam a curtir a própria companhia e que descobriram como ser feliz ao passar a fazer coisas que antes só fariam em um encontro.

O que fazer?

Se você tem vontade de fazer algo e isso depende de estar com alguém para realizar, está na hora da mudança. Ir ao cinema, ir a um bar, assistir a um show e até fazer uma viagem somente com você mesmo, pode ser a diferença entre terminar um ano com a sensação de “não fiz nada de bom” ou “nossa, esse ano foi incrível!”.

Coragem? Se não existe coragem, vá com medo; mas vá.

Se tratando de um evento urbano, você não vai precisar mais que uns trocados e um aplicativo de caronas. Se for algo como uma viagem nacional ou internacional, claro que exigirá um planejamento prévio, mas isso não é nada que você não faria se fosse ir com mais pessoas.

O medo do desconhecido e de mudanças fazem parte de nossas vidas e é algo natural, uma autodefesa do nosso corpo, mas a frase clichê de que devemos sair da zona de conforto para conquistar algo que queremos se encaixa perfeitamente neste contexto. Com certeza ficar em casa assistindo a uma série e mexendo no celular é muito mais seguro do que fazer aquela viagem que estava planejada há meses e seu amigo cancelou.

+Veja também:

10 dicas úteis para quem vai viajar sozinho

• Pesquisa aponta que viajar sozinho faz bem à saúde

Mas por que não se arriscar um pouco e ir você mesmo? Quantas experiências incríveis você já viveu ao sair da zona de conforto e que não teria feito se tivesse ficado em casa? Ou melhor: quantas histórias incríveis você já deixou de viver por medo de se arriscar um pouquinho?

Coisas que você pode fazer sozinho

Barzinho com música ao vivo, beber com moderação e comer alguma coisa;

Feiras ao ar livre;

Se dê ao luxo de ter um “dia de princesa”, pinte o cabelo de rosa. Por que não? A gente sabe que você tem essa vontade;

Cinema, museus e teatros;

Passeio em parques da cidade e shoppings;

Ir acampar em um camping próximo à praia;

Passe alguns dias em um resort, hotel, pousada ou algum lugar próximo à natureza.

Dicas de segurança para aproveitar a própria companhia

Evite festas com aglomerações, como baladas e lugares com uso descontrolado de substâncias perigosas;

Montanhas e trilhas na natureza, acampar em lugares públicos, também pode ser perigoso de se fazer sozinho;

Ao sair à noite, evite aceitar convites de pessoas desconhecidas, como carona para casa ou ir para outro lugar; evite também beber sem controle. Sempre fique de olho no seu copo;

Nunca comente que está sem companhia; caso alguém pergunte, diga que está esperando alguém.

Acompanhado ou só, bom senso e intuição, são ótimos aliados de segurança. Aprenda ouvi-los.

Dicas extras

Para viagens, sempre carregue protetor solar, repelente e remédios que possam ser necessários. Separe seu dinheiro em duas partes e deixe uma das metades no hotel. Tenha sempre anotado em um papel alguns números telefones que possam ser úteis, caso precise.

Se você tem a sensação que não está aproveitando a vida como deveria, talvez esteja na hora de começar a aproveitar a sua própria companhia. Não existe “momento certo” para fazer o que se tem vontade. O tempo passa, e parece que está passando a cada dia mais rápido. Viva o momento; saia da rotina. A hora é agora.

👉 Acompanhe o Foca na Folga no Facebook