A misteriosa Costa dos Esqueletos - Foca na Folga

O Parque Nacional da Costa dos Esqueletos é um parque localizado na Namíbia, na África Austral, na chamada Costa dos Esqueletos. Suas praias são de difícil acesso e contam com diversos navios naufragados a céu aberto e, bem como o nome do lugar sugere, vários esqueletos.


A Costa dos Esqueletos se trata de um enorme cemitério a céu aberto, na beira do mar, onde são encontradas várias carcaças e esqueletos de baleias, de outros bichos marinhos e até mesmo restos humanos.

Tudo começou quando os alemães chegaram por lá, em 1908, em busca de diamantes e riquezas minerais. Aos poucos os materiais preciosos se esgotaram, restando apenas uma cidade fantasma e as embarcações naufragadas, somados a outros eventos, formaram um imenso cemitério a céu - e mar - aberto.


Os historiadores justificam a presença de ossos humanos no local devido aos vários naufrágios de navios de caça de baleias que trafegam por lá há séculos.


Esqueleto humano é utilizado como 'placa' para dar nome ao local.

Mesmo sendo um lugar não muito convidativo, muitos turistas visitam a região todos os anos em busca de mistérios e de uma foto diferente para o seu álbum. 

A misteriosa Costa dos Esqueletos



Ajude a continuarmos publicando. Curtir a nossa página nos incentiva muito! basta clicar aqui ou no botão:


O Parque Nacional da Costa dos Esqueletos é um parque localizado na Namíbia, na África Austral, na chamada Costa dos Esqueletos. Suas praias são de difícil acesso e contam com diversos navios naufragados a céu aberto e, bem como o nome do lugar sugere, vários esqueletos.


A Costa dos Esqueletos se trata de um enorme cemitério a céu aberto, na beira do mar, onde são encontradas várias carcaças e esqueletos de baleias, de outros bichos marinhos e até mesmo restos humanos.

Tudo começou quando os alemães chegaram por lá, em 1908, em busca de diamantes e riquezas minerais. Aos poucos os materiais preciosos se esgotaram, restando apenas uma cidade fantasma e as embarcações naufragadas, somados a outros eventos, formaram um imenso cemitério a céu - e mar - aberto.


Os historiadores justificam a presença de ossos humanos no local devido aos vários naufrágios de navios de caça de baleias que trafegam por lá há séculos.


Esqueleto humano é utilizado como 'placa' para dar nome ao local.

Mesmo sendo um lugar não muito convidativo, muitos turistas visitam a região todos os anos em busca de mistérios e de uma foto diferente para o seu álbum. 

0 Comentários