Famoso letreiro de Hollywood esconde uma curiosidade pouco conhecida - Foca na Folga

Hollywood é um distrito da cidade de Los Angeles, na Califórnia. A região possui grande importância na identidade cultural dos Estados Unidos e se tornou famosa mundialmente pela enorme concentração de empresas do ramo cinematográfico e pela influência que exerce na cultura global com as produções gravadas por lá.

E devido aos inúmeros filmes e produções que saem de lá, vez ou outra vemos na tela o letreiro com o nome de Hollywood no topo da Colina Monte Lee, com suas imponentes letras brancas que se destacam na paisagem e já são conhecidas mundialmente, tornando o local há muito tempo um atrativo turístico mais do que obrigatório.

Contudo, uma curiosidade que pouca gente sabe é que o famoso letreiro, na verdade, não foi instalado lá com a intenção de dar nome ou identidade ao distrito, mas sim para ficar ali temporariamente. As letras gigantes, que medem agora em média quatorze metros de altura e mais de cem de comprimento — e que já foram mais compridas —, foram colocadas ali como parte de uma publicidade, igual aos famosos ‘outdoors’ que vemos muito na beira das rodovias brasileiras.

A intenção dos publicitários era deixar o letreiro lá por no máximo um ano e meio. Ele serviria para divulgar um loteamento chamado “Hollywoodland” (veja na foto abaixo) e depois de servir para esse fim, ele seria desmontado.


Instalado em 1923, o letreiro já sofreu muito com a ação da natureza e de vândalos, sendo completamente destruído no fim da década de 60, mas, como já era famoso na época, doações de famosos reergueram a estrutura em 1978, que já foi desde então restaurada pelo menos duas vezes, durando até hoje e sendo uma marca registrada de Los Angeles — parada obrigatória para os turistas.


Doadores das letras do letreiro de Hollywood

H – Terrence Donnelly, editor do Hollywood Independent Newspaper
O – Giovanni Mazza, produtor italiano de filmes
L – Les Kelley, criador da empresa Kelley Blue Book
L – Gene Autry, cantor, ator e empresário
Y – Hugh Hefner, fundador da revista Playboy
W – Andy Williams, cantor
O – Warner Bros. Records
O – Alice Cooper, cantor que doou em memória de Groucho Marx
D – Dennis Litke, doou em nome de Mathew Williams

Cada letra da estrutura custou US$ 28 mil dólares na época.
Tags: a noite, observatório griffith, sinal, calçada da fama, melhor visão, onde fica, sign, origem do nome, trilha.

Famoso letreiro de Hollywood esconde uma curiosidade pouco conhecida



Hollywood é um distrito da cidade de Los Angeles, na Califórnia. A região possui grande importância na identidade cultural dos Estados Unidos e se tornou famosa mundialmente pela enorme concentração de empresas do ramo cinematográfico e pela influência que exerce na cultura global com as produções gravadas por lá.

E devido aos inúmeros filmes e produções que saem de lá, vez ou outra vemos na tela o letreiro com o nome de Hollywood no topo da Colina Monte Lee, com suas imponentes letras brancas que se destacam na paisagem e já são conhecidas mundialmente, tornando o local há muito tempo um atrativo turístico mais do que obrigatório.

Contudo, uma curiosidade que pouca gente sabe é que o famoso letreiro, na verdade, não foi instalado lá com a intenção de dar nome ou identidade ao distrito, mas sim para ficar ali temporariamente. As letras gigantes, que medem agora em média quatorze metros de altura e mais de cem de comprimento — e que já foram mais compridas —, foram colocadas ali como parte de uma publicidade, igual aos famosos ‘outdoors’ que vemos muito na beira das rodovias brasileiras.

A intenção dos publicitários era deixar o letreiro lá por no máximo um ano e meio. Ele serviria para divulgar um loteamento chamado “Hollywoodland” (veja na foto abaixo) e depois de servir para esse fim, ele seria desmontado.


Instalado em 1923, o letreiro já sofreu muito com a ação da natureza e de vândalos, sendo completamente destruído no fim da década de 60, mas, como já era famoso na época, doações de famosos reergueram a estrutura em 1978, que já foi desde então restaurada pelo menos duas vezes, durando até hoje e sendo uma marca registrada de Los Angeles — parada obrigatória para os turistas.


Doadores das letras do letreiro de Hollywood

H – Terrence Donnelly, editor do Hollywood Independent Newspaper
O – Giovanni Mazza, produtor italiano de filmes
L – Les Kelley, criador da empresa Kelley Blue Book
L – Gene Autry, cantor, ator e empresário
Y – Hugh Hefner, fundador da revista Playboy
W – Andy Williams, cantor
O – Warner Bros. Records
O – Alice Cooper, cantor que doou em memória de Groucho Marx
D – Dennis Litke, doou em nome de Mathew Williams

Cada letra da estrutura custou US$ 28 mil dólares na época.
Tags: a noite, observatório griffith, sinal, calçada da fama, melhor visão, onde fica, sign, origem do nome, trilha.
0 Comentários